Concurso


O Concurso de Ideias para Florianópolis contou com diversos participantes, que ofereceram soluções criativas para a melhoria da infraestrutura de sua cidade. O Sinaenco acredita que é pensando antes que se constrói a cidade do futuro. Obrigada a todos aqueles que, a sua maneira, estão ajudando a planejar a Florianópolis que queremos!

Confira abaixo as ideias vencedoras:

Votação Online

   

Felipe Zacchi, 29 anos
Engenheiro Civil


Novo Acesso a Florianópolis - Acesso pelo Sul da Ilha

Conceito: Construção de novo acesso a Florianópolis, através de travessia no sul da ilha, ligando a Rodovia BR-101, Palhoça, ao Bairro Tapera, Florianópolis. Ligação da nova travessia com a rodovia de acesso ao novo terminal do Aeroporto Internacional de Florianópolis, constituindo uma via rápida de acesso ao sul, leste e centro de Florianópolis. Vantagens: - Rápido acesso ao sul, leste e centro de Florianópolis, utilização do novo acesso ao aeroporto e Via Expressa Sul (SC-401) para rápido acesso ao centro; - Acesso direto pela alça de contorno da BR-101, permite chegar ou sair da ilha sem utilizar a Via Expressa (BR-282) e sem atravessar a região metropolitana da Grande Florianópolis; - Fácil acesso ao Aeroporto Internacional de Florianópolis para usuários localizados ao sul e norte do estado, melhoria das condições de acesso para utilização do aeroporto como polo cargueiro; - Diminuição do percurso para usuários que deslocam da ilha para o sul do estado; - Rota alternativa para entrada/saída a Florianópolis, diminuição do tráfego na Via Expressa – BR-282; - Construção de travessia com pouquíssimo impacto no trânsito.

“Como já trabalhei na área de mobilidade, a ideia para o projeto surgiu de um apanhado de informações que consegui colocar no papel. Além disso, faço mestrado sobre mobilidade urbana. Florianópolis sofre com a carência de planejamento urbano e de transporte público de qualidade. A cidade precisa de um transporte sobre trilhos, como é o monotrilho, que facilitaria o acesso das pessoas ao centro e também desafogaria o trânsito. Esse projeto sendo bem planejado pode ser constituído sob regime de concessão. Pelas minhas estimativas, com um valor de R$ 5 reais de tarifa, em 10 anos já pagaria toda a obra e o lucro dos outros 20 anos seriam para o investidor. O Sinaenco cumpre um papel importante e interessante dando oportunidade à população de pensar no futuro da sua cidade.”






Votação da Comissão Técnica

   

Francisca da Silva, 44 anos
motociclista e técnica de segurança do trabalho


Alteração das pista das ponte na hora no grande movimentos

Todos os dias tem dois horários de maior movimento e que todos falam que o transito "PARA" em Florianópolis. Mas sempre percebi que na pista contataria isso não acontece (a maiorias da vezes isso sem acidentes na ponte) No período vespertino e matutinos tem o grande fluxo dos ônibus que querem entrar ou sair e tem que trocar de pista principalmente no vespertina e mais os carros(muito). Minha ideia e muito simples. Que no período vespertino das 06:00 AS 10:00 a ponte colombo Sales tornasse em duas pistas entrada de veículos, sinalizados com cones de trânsitos e poderia colocas um semáforos nas cabeceiras das pontes, iguais do túneis onde indica o fechamentos da pista e painéis comunicando a alteração naquele períodos. E automaticamente das 17:00 que duas pistas das Pedro Ivo sede-se duas pistas para facilitar a saída em Florianópolis. Ou seja em cada cabeceiras na pistas, onde tem a polícia começaria a mudança. E "QUANDO" a ponte Hercílio Luz for aberta, essa seria duas vias entrada e saída mas no mesmos horário de maior trafego ela seria somente entrada ou saída.

“Pensei no projeto, pois percorro esse caminho diariamente até o trabalho. A cidade de Florianópolis é carente em transporte de qualidade ou de uma estrutura que conta da atual demanda de usuários. A criação de faixas exclusivas de ônibus e motofaixas pode ajudar diminuir o número de congestionamentos, mas ainda assim será necessário investir em infraestrutura de transportes de massa, como um sistema metroviário. Esse sim desafogaria os principais pontos de trânsito da cidade.”



Votação da Comissão Técnica

   

Igor Fernandes Kattar, 33 anos
Analista de sistemas


Padronização e sinalização de transportes coletivos

Algo que ajudaria na identificação de ônibus e demais transportes coletivos pelos usuários: Cada ponto de ônibus ter, junto a placa de identificação de ponto por exemplo, a listagem de quais linhas param naquele ponto. Também, aqueles transportes poderiam ter uma cor/pintura, padrão entre todas as empresas, que identificasse o tipo de rota deles, por exemplo; ônibus que transitam entre bairros poderiam ter uma cor, os que transitam apenas dentro de um bairro outra cor e aqueles que transitam até os limites da cidade outra.

“Nunca estudei a fundo sobre mobilidade urbana, mas tinha essa ideia em mente quando pensava que algo deveria ser feito para padronizar e melhor organizar o transporte da cidade. A privatização do setor poderia criar um melhor gerenciamento dentro das empresas e criaria também uma maior quantidade de linhas e opções aos usuários. O papel do Sinaenco em promover esse concurso é importantíssimo, já que instiga as imaginar como sua cidade pode ser melhor nos próximos anos."